Porto de Morro de São Paulo

Morro de São Paulo | Bahia

Parque das Aves

Foz do Iguaçu | Paraná

Estação da Luz

São Paulo | SP

Terceira Praia

Morro de São Paulo | Bahia

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

São Paulo Restaurant Week 2013

E vem aí, mais uma edição da São Paulo Restaurant Week.

Quer melhor oportunidade de comer nos melhores restaurantes a preços honestos? Então, escolha suas opções dentre as muitas oferecidas e bom apetite! 

De 02 a 9 de setembro (para clientes  MasterCard Black e MasterCard Platinum a semana começa mais cedo - dia 26 de agosto - e vai até 01 de setembro). 

Para essa edição, o valor para o almoço está R$ 34,90, e o jantar R$ 47,90. Ambos incluem entrada, prato principal e sobremesa. O evento também apoia projetos sociais, por isso, a cada prato servido, R$ 1,00 será destinado para instituições beneficentes.

Por causa da falta de tempo, sempre tivemos dificuldades em aproveitar o evento. Quando um restaurante nos interessa geralmente não conseguimos mesa. Isso aconteceu na edição passada com o português Tasca da Esquina (Alameda Itu, 225 - Jardim Paulista). A espera era tanta, que no mínimo, os que já aguardavam, iriam entrar por volta das 16:00 horas. Desistimos!

A dica é óbvia: quer aproveitar o evento sem aflição de não saber que horas vai conseguir uma mesa? Chegue cedo. Ah! e ligue antes pra saber a política da casa: se faz reserva, e se atente almoço ou jantar.

Mais informações no site do evento: http://www.restaurantweek.com.br/

sábado, 17 de agosto de 2013

Comer e beber com os olhos: filmes saborosos com comida

Filmes são também uma das nossas maiores paixões. E os que contam história tendo como pano de fundo a comida e bebida, são capazes de despertar nossos desejos mais primitivos: a fome!

Eis uma seleção de alguns que assistimos, que fala dos prazeres de comer e beber com classe, humor, tristeza, amor...

Então, aí estão vários pretextos pra se deliciar com uma boa comida, abrir uma garrafa de vinho, celebrar...

Bom apetite!

Sideways
Miles: "No, if anyone orders Merlot, I´m leaving. I am NOT drinking any f... Merlot!"


Como não se encantar pelo Miles, que só bebe Pinot Noir!




Comer, Rezar, Amar




Garçonete
Deliciosas tortas inspiradas em sentimentos como:
"I Hate my Husband Pie" (Torta Eu Odeio meu Marido),
simplesmente porque o marido dela é realmente um troglodita!
Ou que tal "I´m Falling in Love" ou...
"I Can´t Have no Affair Because is Wrong and I Don´t Want Earl to Kill me Pie"

Estômago


Pratos como: Xinxin de Galinha com Leite de Côco e Farofa de Dendê,
Macarrão à Putanesca... E o tal da Angostura?
Alguns dos divertidos diálogos...

NONATO: É gorgonzola! Esse queijo tem esse nome por causa do nome da cidade onde ele foi inventado, na Itália, ali bem pertinho dos Estados Unido... 
BUJIÚ: Ô Alecrim, esse gorgonzola pode ser o queijo do c%$#@ que for, meu irmão, tu pode fazê o que quiser com ele, mas esse negócio não vai ficar aqui dentro nem f&!@#&!


... e coxinha!
ÍRIA: Fui lá no boteco esses dias. Não te encontrei. Você não tá mais lá não? 
NONATO: Não é que eu tô trabalhando num... Na cozinha de um restaurante aqui pertinho. Na cozinha do restaurante Bocacho. 
ÍRIA: Boccassio. Conheço, é ali. 
NONATO: Comida familiar. 
ÍRIA: A coxinha lá no boteco voltou a ser o que era: uma bosta, sabia? É... 


NONATO: Minha gente… o nome desse prato é carpacho. Coisa fina mesmo.
DUQUE: Tá boa… mas tá crua a carne…
BUJIÚ: É mesmo… Ô Alecrim esse negócio aqui tá cru, meu irmão… tem que dar uma passadinha, não é não? Ô Valtão, passa esse bife aqui que tá mal passado.
NONATO: Não… é que é assim mesmo… o prato é feito de carne crua mesmo.  BUJIÚ: Que carne crua o cacete, rapaz. Isso aqui deve fazer mal. Õ Valtão, passa aqui! Pô, você racha minha cara hein, Alecrim!
NONATO: Õ Valtão, frita esse negócio aí, frita.
ETECETERA: Primeiro é cachorro, depois é carrapato, qual é o bicho que vem agora? 
BUJIÚ: Vai vir urubu se esse paraíba não parar de fazer merda…

Sem Reservas 





Devolver um prato pode ser considerado uma ofensa 
para um chef de cozinha. Hehehe!


Um Beijo Roubado



Deliciosa cena que te faz salivar...


Sob o Sol da Toscana



"Mangia che te fa bene"

Mondovino

Filme "cabeça" sobre vinhos.

9 Semanas e 1/2 de Amor


Super Size - A Dieta do Palhaço

Após ver esse documentário, talvez você reveja
seus conceitos sobre comer ou não fast food

Chocolate

Eu só quero Chocolate!

Cartas para Julieta

Itália, Verona, Romeu, Julieta, restaurante, vinhedos...

Indiana Jonas e o Templo da Perdição
Quem não lembra dos Cérebros de Macacos? Hihihi!



Sabor de Uma Paixão
Quando como um lamen (não o Miojo, lógico!) eu lembro desse filme!

O japa é grotesco, mas no fundo tem coração 
e ensinou a menina fazer uma bom lamen...


As Férias da Minha Vida


Sonhando em comer um Cassoulet?

Um Bom Ano

Ótimas desculpas pra abrir uma garrafa de vinho.
Que tal um Le Coin Perdu?

Santé!


Casa Comigo?

E tudo acontece numa singela hospedaria na Irlanda

Ele sabe cozinhar muito bem. É chef, né?

Minha Mãe Quer Que Eu Case

Bolos, cup cakes, vinhos, suflês...
Deliciosa comédia!



A Festa de Babette


Eu diria que o filme é uma referência cinematográfica quando se fala em gula


sexta-feira, 16 de agosto de 2013

O Fantasma da Ópera - Her Majesty’s Theatre | Londres

Não poderíamos deixar Londres sem assistir a dos famosos espetáculos. 




A peça é sem dúvida uma das muitas atrações turísticas de Londres. Se tiver a oportunidade de assistir, vá! Além do “Fantasma da Ópera”, estavam em cartaz “We Will Rock You”, “O Rei Leão”, “Thriller”, “Les Miserábles”, “Singing in the Rain”, e muito mais, pra todos os gostos! 


Em cartaz em Londres há 27 anos – a estreia foi Outubro de 1986 - o Fantasma da Ópera (The Phantom of the Opera), se tornou em uma atração imperdível. 

Composto por Andrew Lloyd Webber, a peça foi baseada no romance do francês Gaston Leroux, tem duração de 2 horas e meia.

The Phantom of the Opera Tour Trailer

Apenas um intervalinho de 20 minutos entre um ato e outro - que em nossa opinião nem compensa sair pela dificuldade em se locomover entre as fileiras. 

Curiosidades: 
  • Quando fez 25 anos em cartaz, a peça foi apresentada no Royal Albert Hall, em outubro de 2011. Foi uma montagem especial e suntuosa, e contou com uma homenagem aos principais interpretes masculinos ingleses. 
  • A peça já foi vista por mais de 130 milhões de pessoas em todo o mundo, em montagens que percorreram 145 cidades, inclusive em São Paulo – no Teatro Abril, em 2005. 
  • A personagem Christine foi interpretada pela hoje famosa cantora Sarah Brightman na primeira montagem. 

The Phantom of the Opera, London EPK

Tamanho sucesso explica a dificuldade em comprar ingressos. Prevendo isso, nós compramos os ingressos pela internet dias antes de embarcarmos para Londres. 

O serviço pela internet é muito eficiente e fácil (mas nem tanto assim para encontrar assentos disponíveis).

http://www.hermajestystheatre.org/the-phantom-of-the-opera/
Compramos assentos no Grand Circle, uma das melhores localizações com um preço mais acessível. As primeiras fileiras são as melhores, mas, infelizmente, a melhor que conseguimos foi a “F”. Mas não estava tão ruim assim. 

O mapa dos assentos
Datado de 1705 e com estilo vitoriano, o Her Majesty´s Theatre foi classificado como edifício histórico da cidade de Londres. 

Tudo muito apertadinho. Pelo menos aqui, no Grand Circle
Quando chegamos, o teatro já estava quase cheio. Muito luxuoso, o teatro não é tão confortável assim – os assentos são bem apertados. Se você é alto, seus joelhos certamente esbarrarão no encosto do assento da frente. Binóculos estão à disposição por algumas libras. É só colocar a moedinha... 

Antes do show...


Conseguimos tirar algumas fotos antes do início do espetáculo. A todo o momento ouvíamos avisos que após o início era proibido fotografar, filmar... 


A apresentação foi um deleite. É impossível não se emocionar com tamanha beleza. 

Ao fim do espetáculo, tiramos algumas fotos, mas fotos repreendidos, e guardamos a câmera. 

O lustre

...uma das surpresas do espetáculo


Por fim, apertos à parte vale o show muito a pena. Ah! O espetáculo é todo em inglês.

Her Majesty’s Theatre 
Haymarket 
London 
SW1Y 4QL

domingo, 11 de agosto de 2013

Kensington Gardens | Diana Memorial Fountain



Na véspera do nosso último dia em Londres, aproveitamos nossa manhã para conhecer o Kensington Gardens. 




Kensington Palace
Conhecido como um dos oito Parques Reais de Londres, o parque abriga o Palácio de Kensington – antiga residência da Princesa Diana, e hoje, do Duque e da Duquesa de Cambridge, William e Kate Middleton – o Albert Memorial, a Estátua de Peter Pan, a Galeria Serpentine e o Memorial da Princesa Diana – Diana, Princess of Wales Memorial. 


Vizinho ao Hyde Park, o Kensington Gardens se diferencia por não receber shows e espetáculos. 






Então, se você está atrás de tranquilidade, vá ao Kensington, para fazer um programa tradicional, como fazer um picnic, tomar um banho de sol – de preferência no verão - ou apenas caminhar. 





Italian Gardens
No caminho até chegarmos ao Diana Memorial Fountain, no Hyde Park, vimos ainda belas e deslumbrantes paisagens e muitos esquilos. Curioso como eles se sentem confortáveis entre as pessoas e não são nada ariscos. Óbvio, procuravam comida!


Vimos esse com um amendoim na boca. Naquele momento ventava muito e, de repente ele subiu no tronco da árvore, e ali ficou, estático, todo esticado. 


Ficamos ali alguns minutos só observando, e ele nem se mexia. Até a hora de sairmos, ele permanecia ali, quietinho, sem se mexer.


Em vários trechos do parque você encontra placas no chão indicando locais de destaque em associados à Princesa Diana.


O Diana Princess of Wales Memorial Walk percorrem 7 kilômetros distribuídos em 90 placas nos parques: Saint James, Green Park, Hyde Park e o Kensington Gardens

Trata-se de uma homenagem à finada princesa aos locais que ela mais gostava e visitava.


Inaugurado em Julho de 2004 pela Rainha Elizabeth, a fonte foi construída com os melhores materiais e a melhor tecnologia.


A fonte, os fluxos de água e os efeitos obtidos pela cascata têm como objetivo refletir a vida da finada princesa. No final da fonte, as águas se tornam mais calmas.


A água é constantemente renovada, pois foi desenhada a partir do lençol freático.


É local muito bonito, que além da beleza, remete à tranquilidade.


O The Shard e a London Eye ao fundo



Muitas fotos depois, fomos para Covent Garden almoçar e passar nossa tarde por lá.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...